You are here:  / Aves / Calorias reduzidas / Carnes / Como fazer / Congelados / Entradas e petiscos / Tortas e quiches / Vegetais / Receita básica de quiche (passo a passo)

Receita básica de quiche (passo a passo)

Gostou? Compartilhe este conteúdo!Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Share on TumblrEmail this to someonePrint this page

quiche

Depois que publiquei a receita da Quiche light de ricota com espinafre, muita gente tem perguntado se dá para fazer com outro recheio. Por isso, resolvi preparar um passo a passo com uma receita básica de quiche com sugestões de combinações para o recheio e algumas variações de massa.

Para começar, a quiche precisa de uma base, que vai segurar o creme. Você pode escolher entre várias opções, mas as mais comuns são a feita com massa de biscoitos e a com massa de farinha. Já postei aqui também uma de mandioquinha que inventei com a consultoria da minha mãe. Além dessas possibilidades, é possível usar massas compradas prontas, como a folhada ou a massa filo (phylo). E geralmente usa-se uma forma com fundo falso, pois fica mais fácil de desenformar.

O recheio é feito em duas partes: um creme básico e os complementos, que podem ser os seus ingredientes favoritos (nos casos das receitas que já postei, ricota e espinafre, queijo parmesão ou brie com ervilhas e carne seca). Daqui a pouco sugiro algumas combinações, mas vamos começar pelo creme.

Creme básico para rechear quiches:
1 ovo
100ml. de creme de leite ou de requeijão ou de leite ou uma mistura desses ingredientes
1 colher de sopa de queijo parmesão ralado (opcional)
Sal e pimenta do reino a vontade

Para preparar o creme, bata o ovo com um garfo ou fouet até começar a espumar e incorpore o creme de leite, o leite, o requeijão ou a combinação deles que for utilizar. Acrescente o queijo ralado, se quiser, e tempere com sal e pimenta do reino.

Cubra a base da quiche com esse creme e, por cima, distribua mais ou menos 1 1/2 xícara dos complementos escolhidos. Se quiser, salpique um pouco de queijo ralado ou de ervas picadinhas por cima. Esta quantidade é suficiente para rechear uma quiche pequena, feita em forma de 17cm. de diâmetro.

Sugestões de recheios para quiches:
. cubinhos de muçarela e presunto ou peito de peru com tomate e orégano
. queijos ralados misturados
. bacon
. carne moída (ou com cenoura)
carne louca
. frango desfiado com milho e requeijão por cima
. legumes em cubinhos salteados na manteiga
. espinafre ou escarola refogados
. linguiça defumada picadinha coberta com cream cheese
. 1 lata de atum escorrida e misturada com ervilhas e/ou cenoura cozida picadinha
. 1 lata de sardinha escorrida e tomate picadinho temperado com um pouco de sal e azeite
. muçarela de búfala com tomate seco e rúcula
. brócolis cozido com lascas de alho
ricota temperada com pedaços de azeitonas ou lascas de amêndoas ou nozes picadas
refogado de abobrinha com linguiça
guisado colorido rápido
. cogumelos refogados na manteiga com um pouquinho de creme de leite
. salame picadinho com cream cheese em cima

Importante: coloque o creme e os recheios sobre a base pouco antes de levar sua quiche ao forno, para que a base não absorva o creme e se desfaça.

O tempo de cozimento vai depender muito do recheio escolhido, mas geralmente varia entre 20 e 40 minutos. A superfície da quiche deve estar dourada e o recheio, bem firme (para não desmanchar na hora de servir). Retire do forno e espere esfriar um pouquinho antes de desenformar (no caso de forma com fundo falso).

Dica: a quiche pronta (depois de assada) pode ser congelada. Espere que esfrie, corte em pedaços do tamanho que desejar ou deixe-a inteira, coloque em um recipiente ou saco plastico bem fechado e mantenha no congelador por até 3 meses.

Gostou? Compartilhe este conteúdo!Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Share on TumblrEmail this to someonePrint this page

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

Deixe uma resposta

Arquivos

Categorias

seloGL
Blog Saboroso no Receitas na Rede
Top blogs de receitas

Acompanhe nosso Instagram

%d blogueiros gostam disto: